Tânia Farias : Docentes | StudioClio - Instituto de Arte & Humanismo

Tânia Farias

Tânia Farias é atuadora da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz desde 1994. Coordena os projetos Escola de Teatro Popular da Terreira da Tribo e Ói Nóis na Memória, tendo publicado os livros "Aos que virão depois de Nós", "Kassandra In Process o Desassombro da Utopia", organizado por Valmir Santos, "A Utopia em Ação", de Rafael Vecchio, "Uma Tribo Nômade" de Beatriz Britto.
 
Publica semestralmente a Cavalo Louco, revista de Teatro da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz. Realizou o I Festival de Teatro Popular Jogos de Aprendizagem.
 
Como atriz e encenadora da Tribo participou das criações coletivas "A Morte e a Donzela", de Ariel Dorfmann, "A Heroína de Pindaíba", de Augusto Boal, "Hamlet Máquina", de Heiner Müller, "A Exceção e a Regra", de Bertold Brecht, "Aos que virão depois de nós", "Kassandra In Process", "A Missão (Lembrança de uma Revolução), de Heiner Müller, "O Amargo Santo da Purificação", entre outras.
 
Foi indicada ao Prêmio Shell de Melhor Atriz por "Kassandra In Process" (2007) e recebeu o Premio Açorianos por sua atuação em "O Amargo Santo da Purificação" (2009).
<< Mais docentes
Nome