Geraldo Flach : Docentes | StudioClio - Instituto de Arte & Humanismo

Geraldo Flach

Pianista, compositor e arranjador

Pianista, tecladista, arranjador e compositor, Geraldo Flach nasceu em 1945, na cidade de Porto Alegre - RS. Além de sua atividade musical, Geraldo é sócio da Plug Produções Fonográficas, empresa de criação e produção de jingles e trilhas destinadas à publicidade.

Iniciou seus estudos de piano aos cinco anos, tendo a sua formação erudita estendida até os 20 anos de idade. Na metade deste período, começou a manifestar os primeiros interesses pela música popular, gênero que hoje adota integralmente. Foram seus professores o maestro alemão Max Brückner, o maestro Roberto Eggers e a pianista profa. Zuleika Rosa Guedes do Instituto de Belas Artes da UFRGS.

Aos quatorze anos, Geraldo já era músico profissional, tocando em conjuntos de baile. Na década de 60, no auge da Bossa Nova, monta um trio com a tradicional formação piano/baixo/bateria, fazendo shows nos mais variados lugares. Tem seu próprio programa na TV Piratini, aos sábados à tarde, e participa também do programa semanal "O Piano em Destaque", produzido por Carlos Alberto de Carvalho, na Rádio Difusora.

Em 1964 recebe o prêmio de "melhor solista" no II Festival de Jazz e Bossa Nova, evento de caráter nacional. Inicia a compor a partir de 1967, pois até então limitava sua atividade ao piano e aos arranjos.

Como compositor, participa de diversos festivais, vencendo a Califórnia da Canção com a música "Sementes de Pedra", em parceria com Kenelmo Alves, e o Grito de Alerta com "Quintana", que compôs com João Alberto Soares.

Participou de vários movimentos musicais, entre os quais a "Frente Popular Gaúcha de Música Popular" e o "MusicaNossa" no Rio de Janeiro.

Como arranjador e músico, além dos próprios trabalhos, participou de vários discos como: Paralelo 30, Fernando Ribeiro (O Coro dos Perdidos), Jerônimo Jardim (Louca Lucidez), Música Popular Gaúcha do RGS (Álbum duplo antológico), Paulinho Tapajós (A História se Repete), Porto Alegre 83, Lomma (Momento), Unimúsica, Maurício Tapajós & Aldir Blanc, Jerônimo Jardim (Terceiro Sinal), Bailei na Curva, Sá Brito (Ar de Afronta), Luiz Carlos Borges, Victor Hugo (Cada Vez Mais), Lúcia Helena, João Pernambuco, Tambo do Bando, Cláudio Levitan, Vinícius Brum, entre outros.

Como compositor tem músicas gravadas por Elis Regina, Taiguara, Berê, Emílio Santiago, Eduardo Conde, Jerônimo Jardim, Lomma, Lúcia Helena, Suzana Bello, Clóviz Bonfim, Renato Borghetti.

Mais informações em http://www.geraldoflach.com.br/.

<< Mais docentes
Nome