Curso | Relendo os clássicos no cinema : Cursos e oficinas | StudioClio - Instituto de Arte & Humanismo

 

share

Curso | Relendo os clássicos no cinema

André Araújo

Por muitos anos, o paradigma da “fidelidade” ao original reinou no campo das adaptações cinematográficas. Mais contemporaneamente, foram vistas, de forma crescente, experiências que utilizam as obras canônicas dos grandes autores como formas de releitura através do cinema. Shakespeare, Tolstói, Fitzgerald - e até mesmo Homero - são abordados a partir de novas linguagens por filmes dos mais diversos tipos, numa tentativa de compreender e atualizar o seu valor na atualidade. Neste curso, o jornalista André Araújo discute as recentes produções que recolocam clássicos da literatura sob um novo prisma, experimentando diferentes maneiras de contar a mesma (ou seria uma nova?) história.  

 
Conteúdo programático
 
Aula 1 - Do encontro de linguagens ao Caso Shakespeare
 
Discussão acerca dos fundamentos da linguagem cinematográfica - direção, fotografia, montagem - em diálogo com a forma da narrativa literária. Como base para a discussão, Shakespeare. As múltiplas diferentes abordagens cinematográficas serão analisadas especialmente a partir de quatro filmes: “Romeo and Juliet” (Baz Luhrman), “Rosencrantz and Guilderstern are Dead” (Tom Stoppard), “Looking for Richard” (Al Pacino), “Much Ado About Nothing” (Joss Whedon).
 
Aula 2 - Novos tempos encontram novas linguagens
 
Dois grandes clássicos da literatura mundial, “Anna Karenina” e “O Grande Gatsby”, receberam adaptações não convencionais nos últimos anos. Será realizada uma comparação entre essas recentes adaptações com as narrativas originais dos livros e com adaptações mais antigas (e fiéis). Também será investigada “Odisseia” de Homero, um dos mais antigos textos literários que se tem notícia. 
 
Aula 3 - Entre a fidelidade e a traição
 
Discussão acerca da questão da fidelidade. Diferentes abordagens entre a tentativa de uma adaptação literal ou de uma reinvenção do texto no cinema. Como exemplo, adaptações da literatura beatnik: “On The Road” e “Naked Lunch”. Em “Ensaio Sobre a Cegueira”, Fernando Meirelles se atém aos contornos da narrativa original, enquanto Dennis Villeneuve, em “O Homem Duplicado”, realiza uma interpretação psicanalítica do livro. 
 
Aula 4 - Os “inadaptáveis” e os clássicos contemporâneos
 
O mito dos livros inadaptáveis: dois recentes documentários discutem os percalços sofridos por dois renomados diretores para adaptar seus livros preferidos. Alejandro Jodorowsky passou parte de sua carreira na tentativa de filmar um grande clássico da literatura de ficção científica, o romance “Duna”. Já em “Lost in La Mancha”, o diretor Terry Gilliam aceita o desafio de realizar uma adaptação de Dom Quixote. Na conclusão do curso, serão discutidos dois livros que receberam aclamadas adaptações: “Atonement” e “As Horas”. 

Informações deste Evento


Docente(s): André Araújo Quando: Dias 5, 12, 19 e 26 de agosto de 2015, quartas-feiras, das 19h30 às 22h10 Vagas disponíveis: 30 Duração: 12h/a (3h/a por encontro) Valor(es):
Inscrições até o dia 29 de julho:
R$ 260,00 (público geral)
R$ 230,00 (professores e estudantes)

Inscrições a partir do dia 30 de julho:
R$ 286,00 (público geral)
R$ 253,00 (professores e estudantes)


Curso | Relendo os clássicos no cinema

Deixe seu comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Esta questão serve para verficar se você é um usuário ou um spam automático.
Image CAPTCHA
Coloque os códigos presente na imagem