AlmoçoClio | Shakespeare traduzido : Almoço Clio | StudioClio - Instituto de Arte & Humanismo

 

share

AlmoçoClio | Shakespeare traduzido

José Francisco Botelho,Saraiva
Traduzir Shakespeare é um desafio múltiplo: há que se atentar à riqueza quase inefável da linguagem e também à função teatral com que essas palavras foram originalmente escritas. A forma do texto é questão crucial não só para aqueles que pretendem verter o Bardo à sua própria língua,  mas também a todos que desejem compreender profundamente o grande clássico da literatura ocidental. Mas de que forma escrevia Shakespeare?
Neste almoçoClio, José Francisco Botelho irá nos fazer mergulhar no tecido e na substância das peças shakespearianas, compreendendo as funções dramáticas da prosa e do verso, sondando a história das formas poéticas que culminaram nas peças do Bardo e desvelando as estratégias possíveis para recriar a transcendência de suas obras no Brasil, hoje. 
Nesse almoço, também contaremos com a gastronomia do Chef Saraiva.

Sobre o docente: José Francisco Botelho é escritor, tradutor e jornalista. Suas premiadas traduções de William Shakespeare e Geoffrey Chaucer foram publicadas pela Companhia das Letras e lhe granjearam dois troféus Jabuti. Suas traduções poéticas são objeto de estudo internacional.
 
Cardápio
 
Entrada:
Creme de ervilhas
 
Prato Principal:
Peixe Wellington com legumes e mousselini de batata baroa
 
Sobremesa:
Mousse de chocolate 

Informações deste Evento


Docente(s): José Francisco Botelho, Saraiva Quando: Dia 15 de agosto de 2018, quarta-feira, das 12:20 às 13:40. Vagas disponíveis: 30 Duração: 1h20 Valor(es):
ALMOÇO + PALESTRA
R$ 160,00 (no cartão de crédito ou débito)
R$ 145,00 (à vista em dinheiro na bilheteria do StudioClio ou depósito)

SOMENTE PALESTRA
R$ 60,00 
 

 

Reservas: atendimento@studioclio.com.br / (51) 3254-7200 (VAGAS LIMITADAS)


AlmoçoClio | Shakespeare traduzido
Áreas de Interesse : Literatura,

Deixe seu comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Esta questão serve para verficar se você é um usuário ou um spam automático.
Image CAPTCHA
Coloque os códigos presente na imagem